Banhos

Os Banhos de ervas medicinais e plantas são tradicionais e milenares.

São muito usados para aliviar sintomas e ajudar em tratamentos.

Os Banhos de ervas têm a vantagem de serem fáceis de preparar.

Além disso, tratam e ajudar a relaxar.

Banhos de ervas: como fazer?

Cada tipo de erva medicinal exige uma maneira especifica para fazer os Banhos.

As seguir, você confere alguns Banhos de ervas e plantas para os problemas mais comuns.

1 – Banho de camomila

Ingredientes:

  • 1 xícara de camomila seca ou 4 sachês de chá de camomila;
  • 150 ml de água;
  • 1 litro de água.

Modo de fazer:

1 – Prepare uma infusão com a camomila e apenas 150 ml de água, deixando ferver por uns 2 minutos – você obterá um chá bem concentrado.

2 – Tampe a infusão por cerca de 10 minutos.

3 – Misture em 1 litro de água.

4 – Faça um banho de imersão no local a ser tratado.

Indicação:

Esses Banhos de camomila são muito bons para aliviar dores musculares ou de artrites, de quedas ou impactos em geral.

Deixe a área lesionada submersa nesse líquido por cerca de 1 hora.

Pode repetir o procedimento quantas vezes desejar.

Lembre-se que cada parte do corpo necessita aproximadamente da medida indicada, caso contrário, o banho se pobre em propriedades e não surtirá o efeito desejado.

2 – Banho de Sálvia

Ingredientes:

  • 1 xícara de chá de sálvia fresca;
  • 1 litro de água.

Modo de fazer:

1 – Deixe a sálvia fervendo com a água por cerca de 5 minutos.

2 – Tampe o conteúdo por cerca de 10 minutos.

3 – Aguarde amornar e passe para uma bacia higienizada.

Indicação:

A principal indicação desses Banhos de sálvia é para aliviar e tratar a cistite e problemas de fungos na região genital.

O banho desse ser feito em forma de acento, por cerca de 20 minutos.

Fazer 1 vez ao dia e lavar a região depois, com água e sabonete neutro.

3 – Banho de hortelã

Ingredientes:

  • 1 xícara de chá de folhas de hortelã para cada 1 litro de água.

Modo de fazer:

1 – Ferva as folhas de hortelã na água por 5 minutos;

2 – Abafe o preparados por 10 minutos.

3 – Coe a mistura.

Indicações:

Esse banho de hortelã é excelente para aliviar tensões musculares e para relaxar o corpo e a mente.

Pode ser adicionado em uma banheira ou, então, ser passado pelo corpo, deixando secar ao natural, para as propriedades se fixarem na pele.

Não é preciso enxaguar.

Ainda, serve para relaxar pés cansados ou doloridos, em forma de “escalda-pés”.

Algumas considerações sobre os Banhos  

Os Banhos de ervas e plantas medicinais são ótimos para diversas situações, como foi explicado.

No entanto, é preciso cuidado para não exagerar na exposição, pois a água quente e algumas propriedades da maioria das ervas medicinais podem abaixar demais a pressão.

Além disso, prefira sempre ervas frescas – pois elas contém muito mais propriedades fitoterápicas conservadas do que as secas ou em pó.

Ainda, sempre verifique a procedência da erva, pois algumas podem ser adulteradas e não surtirem o efeito esperado ou, em casos piores, causar danos.

Também cuidado com a temperatura dos Banhos, que devem ser mornos e nunca quentes, para não correr riscos de queimar a pele.

Mais textos relacionados
Andiroba

Andiroba é uma árvore tipicamente da região Amazônica, apesar de também aparecer em alguns outros Estados brasileiros. Essa árvore dá Read more

Amora miura: para que serve?

Em outros textos de nosso site já falamos um pouco sobre a amora de forma geral, neste queremos nos deter Read more

Boldo

O uso do boldo já é algo milenar, há registros dessa planta que datam mais de 13 mil anos no Read more

Sumo

O Sumo de uma erva, normalmente, é onde se concentra as propriedades medicinais e fitoterápicas. E, o que muita gente Read more