24 de junho de 2022

Cabelos ressecados: Como evitar e como tratar

Primeiramente, antes de falar dos cabelos ressecados, é importante que fique claro a diferença entre cabelos ressecados e cabelos secos, porque mesmo parecendo significar a mesma coisa, não significam.

O cabelo seco pode ser caracterizado pelo fato de ser mais frágil e, por conta disso, mais propenso a se romper quando a pessoa não o maneja com cuidado. Além disso, quem possui os cabelos secos apresentam problemas com o frizz — que possui, como uma das causas, o ressecamento —, mechas ásperas, ausência de brilho e tendem a se emaranhar.

O cabelo ressecado, por outro lado, tem muito a ver com a questão hereditária e precisa de cuidados especiais durante toda a vida. Só assim é possível tratar esse problema. Se na sua família há pessoas com alto teor de ressecamento no cabelo é bastante provável que essa seja a causa principal do seu problema. É desse tipo, do cabelo ressecado, que vamos falar hoje.

Causas dos cabelos ressecados

Além da questão hereditária, uma pessoa pode ter os cabelos ressecados por outros motivos. Por exemplo, danos químicos (aqueles causados por produtos como permanentes, descolorações, corantes, shampoos fortes e cloro nas piscinas) e físicos (causados por chapinha e secador, por exemplo) podem implicar diretamente no ressecamento do cabelo, ainda mais se esses produtos forem usados com frequência e não se fizer nenhum tipo de hidratação capilar.

O ressecamento ocorre porque as glândulas sebáceas deixam de produzir a quantidade adequada de sebo, deixando-os sem brilho e secos. A hidratação, portanto, é ideal.

O ressecamento dos cabelos também pode ser causado por outros fatores, como o abuso do sol, a poluição e até mesmo o vento. Lavar o cabelo com água muito quente contribui para o ressecamento dos fios, então se deve optar por temperaturas mais baixas se você é uma pessoa realmente preocupada com o cabelo.

Tratamento caseiro para o cabelo ressecado

Há algumas coisas que se pode fazer para que o ressecamento no cabelo diminua, principalmente se a causa não for hereditária. Você pode ver abaixo coisas que ajudam:

  1. Faça a variação das entradas da proteína, isto é, utilizando máscaras ou alimentos ricos em proteínas que estimulam o cabelo a produzir o sebo.
  2. Você pode utilizar suplementos alimentares para cabelos ressecados.
  3. Faça a oxigenação do couro cabeludo para que haja equilíbrio nos fios. Isso diminui o excesso de secura.
  4. Massageie o couro cabeludo com frequência para que assim a circulação sanguínea seja reativada. É a circulação sanguínea que é o vetor dos nutrientes que incitam as células germinativas do cabelo à produção.
  5. Você pode utilizar óleos capilares que ajudam a proteger e nutrir os fios. Alguns bons tipos de óleos são o óleo de coco, que tem as proteínas necessárias para nutrir e reparar o cabelo, o óleo de oliva, que fornece elasticidade e força ao cabelo, além de remover a caspa e possuir antioxidantes, e o óleo de abacate, que possui muitos nutrientes, ácidos graxos essenciais e aminoácidos, além de muitas vitaminas.
  6. É interessante se limitar aos tipos de secagem ondulada, suavizada, encaracolada e elétrica pelo tempo necessário, até que as escamas do cabelo se restaurem.
  7. É recomendado por profissionais o banho de seda de queratina suave e lisa (sabor de pêssegos frescos). Se trata de um revolucionário restaurador do cabelo, que ainda conta com um tratamento de redução do volume, o que deixa os cabelos lisos, saudáveis e brilhantes até cinco meses, mas isso depende do tipo do cabelo. O cabelo adquire uma aparência muito mais rejuvenescida e confiante.
  8. Além de todas essas coisas que podem ajudar, você ainda pode optar por um tratamento que pode ser feito em casa, para que seu cabelo seja reconstruído com eficácia. É uma receita que proporcionará brilho e luminosidade nos fios, fazendo-os parecer mais vivos. É a receita ideal para cabelos naturalmente ressecados.

Você apenas precisa de:

  • Suco de um limão;
  • ¾ de xícara de azeite;
  • ½ xícara de mel.

Para preparar, você precisa misturar o suco de limão com o azeite e o mel. Na hora da aplicação você deve colocar a preparação uniformemente sobre o couro cabeludo e ao longo dos cabelos. Em seguida, deve cobrir a solução aplicada com uma toalha quente.

Deixe a toalha lá por pelo menos 15 minutos. Depois, enxágue e lave com o shampoo habitual. O ideal é fazer isso duas vezes por semana.

Mais textos relacionados
Receita caseira para enxaqueca

Neste texto você conhecerá receitas caseiras para a enxaqueca que é uma das doenças mais comuns da atualidade, afetando principalmente Read more

Receita caseira para flacidez

A flacidez ocorre de forma natural com o passar dos anos, ou seja, quanto mais você envelhece, mais flácida sua Read more

Receita caseira para impotência sexual

A disfunção erétil é uma condição de disfunção fisiológica masculina que envolve muitas patologias diferentes.  É uma condição na qual Read more

Receita caseira para manchas no rosto
mancha na pele

As pessoas, à medida em que envelhecem, são expostas ao sol, ficam grávidas, tomam contraceptivos orais, sofrem de acne etc., Read more

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

chá para infecção urinaria