2 de julho de 2022

Como acabar com as dores musculares

As dores musculares, conhecidas como mialgias, são bastante comuns e podem comprometer mais de um músculo.

Além dos músculos, esse tipo de dor pode envolver ligamentos, tendões e fáscia, que se trata de tecidos moles que conectam os músculos, ossos e órgãos.

Todas as pessoas acabam sofrendo de dores musculares em algum momento da vida, mas o verdadeiro problema começa quando o incômodo se torna persistente, por dias a fio e quando nossa qualidade de vida é afetada.

Quando se trata de uma dor constante, é muito capaz que além dos músculos esteja envolvida alguma outra coisa, como as já citadas anteriormente.

Causas comuns das dores musculares

Diversas podem ser as causas da dor muscular e abaixo você pode encontrar algumas delas.

  • Deficiência de vitamina D. A dor musculoesquelética não-específica costuma estar associada a baixos níveis de vitamina D. Diferentemente do que acontece quando é alguma outra causa, a dor muscular provocada pela falta de vitamina D atinge várias partes do corpo.
  • Deficiência de ferro. A falta de ferro no organismo também está relacionada à dor muscular. É o tipo de dor que vem em períodos prolongados, e pode ser solucionada através de uma dieta rica em ferro ou fazendo uso de suplementos.
  • Estresse. O estresse implica em alterações corporais, o que envolve também a dor muscular. O resultado é uma dor muscular prolongada e intensa.
  • Entorses e sobrecargas. Os entorses são o estiramento ou o rompimento dos tendões, que podem acontecer por causa de sobrecargas. Se você não está acostumado a forçar muito os músculos em exercícios intensos, ou então lesões acidentais, pode ser que os tendões se estirem até se romperem, o que provoca dores musculares intensas, além de inflamação.
  • Há ainda uma série de doenças que estão diretamente ligadas com a dor muscular. Se você perceber que há uma dor muscular duradoura e intensa e acha que não é devido a nenhuma das causas acima, fique atento. Doenças como reumatismo, artrite, hipotireoidismo, fibromialgia, fadiga crônica, lúpus e doenças virais podem levar a dores musculares.
  • Também podem causar dores musculares infecções como a gripe, malária, doença de Lyme, abcesso muscular, poliomielite e a triquinose.

Formas de tratar as dores musculares

  • Se a dor muscular é produto de algum trauma ou lesão, o indicado é o descanso, procurar um médico e provavelmente terá que tomar alguma medicação indicada por ele.
  • Você pode aplicar gelo das primeiras 24 até 72 horas após a lesão a fim de diminuir a dor e a inflamação. Em seguida, você pode ficar exposto a um calor moderado para aliviar a dor.
  • A dor muscular causada por sobrecarga ou fibromialgia pode ser aliviada com massagens.
  • Também é bom fazer alongamentos suaves após um longo período de descanso.
  • Fazer exercícios regulares ajudam a restabelecer o tom muscular adequado. Você pode começar devagar e depois aumentar suas sessões de exercício. Se você está com dor ou ferido, não tente fazer atividades que pedem muito de você, como levantamento de peso, por exemplo.
  • Se o estresse é o seu inimigo, se você acha que é ele o causador das suas dores musculares, pode tentar fazer algum tipo de meditação, como a de atenção plena, ou ioga. Tenho certeza que isso vai te ajudar a dormir bem e a relaxar. Lembre-se que o descanso é essencial para a recuperação.

Você precisa procurar um médico quando a dor durar mais de três dias e as alternativas anteriores não surtiram efeito, se existir uma dor intensa e inexplicável, se houver qualquer sinal de infecção, como quando há inchaço ou vermelhidão, próximo à região do músculo sensível.

Deve procurar um médico também se a má circulação estiver ocorrendo nas áreas onde há a dor muscular, se você foi picado por um carrapato, por exemplo, ou se você possui uma erupção cutânea.

Além de todos esses casos, deve também procurar um médico se acha que a dor muscular advém do uso de algum medicamento, como a estalina.

O médico vai fazer perguntas relacionadas ao tempo que você sente dores e a intensidade delas, em que local está concentrada a dor e se ela muda de lugar ou permanece sempre do mesmo jeito.

Ele também vai perguntar sobre outros possíveis sintomas que se sente acompanhados da dor e se você começou a tomar novos medicamentos recentemente.

Pode ser feito alguns tipos de exames de sangue para excluir outras doenças e adquirir um diagnóstico.

Alguns alimentos que são bons serem ingeridos

  • Grão-de-bico;
  • Ovo;
  • Lentilha.
Mais textos relacionados
Receita caseira para enxaqueca

Neste texto você conhecerá receitas caseiras para a enxaqueca que é uma das doenças mais comuns da atualidade, afetando principalmente Read more

Receita caseira para flacidez

A flacidez ocorre de forma natural com o passar dos anos, ou seja, quanto mais você envelhece, mais flácida sua Read more

Receita caseira para impotência sexual

A disfunção erétil é uma condição de disfunção fisiológica masculina que envolve muitas patologias diferentes.  É uma condição na qual Read more

Receita caseira para manchas no rosto
mancha na pele

As pessoas, à medida em que envelhecem, são expostas ao sol, ficam grávidas, tomam contraceptivos orais, sofrem de acne etc., Read more

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

chá para infecção urinaria