Óleo essencial de canela

  • por

O aroma de canela é um tanto adocicado e picante.

O seu óleo é muito apreciado justamente pela fragrância única. 

Além disso, há vínculo com demais benefícios relacionados à beleza e saúde.

A canela, em formatos diversos, teve estudo pela sua ação para controlar infecção, o açúcar na corrente sanguínea e demais condições. 

O óleo essencial de canela possui os seguintes efeitos para a saúde:

  • ação antibacteriana;
  • antifúngica;
  • antidiabética;
  • antioxidantes.

Para que serve a Canela?

O óleo de canela possui propriedades populares para terapia alternativa, bem como para o tratamento de aromaterapia.

Nessa última, o óleo essencial tem difusão pelo ar para ser respirado ou para que a pele absorva.

Aromaterapia tem associação a diversos benefícios, dentre eles a redução da ansiedade e depressão.

Usar óleo de canela em aromaterapias tem sido apreciado por muitas pessoas que buscam relaxar e acalmar o organismo e mente.

VEJA MAIS: Outros tipos de óleo essencial

Benefícios da Canela

O óleo de canela é capaz de combater bactérias que normalmente são mais difíceis de morrer.

Dentre as descobertas recentes dessa especiaria, está o efeito antimicrobiano capaz de combater Pseudomonas aeruginosa, que é um elemento bacteriano fatal e de resistência à medicamentos que prejudicam plantas, seres humanos e animais.

Saúde bucal

Todos os seus elementos antibacterianos e antifúngicos apresentam eficácia em combate ao Streptococcus mutans, bem como para Candida ssp.

Essas duas bactérias provocam infecção oral e cárie dentária.

Desinfetante

Os elementos antibacterianos do óleo da casca da canela tornam essa especiaria uma alternativa que soma segurança, eficácia e está livre de químicos para a preservação de produtos.

Isso faz com que a vida útil de vários alimentos se prolonguem. 

Em alguns casos, o uso como conservante em substâncias cosméticas também pode ser aderida, principalmente em produtos hospitalares.

VEJA MAIS: Outros benefícios do chá de canela

Contraindicações

Esse óleo essencial de canela é muito potente.

Por isso é preciso ter precaução ao usá-lo.

Além disso, seus efeitos colaterais podem incluir erupções na pele ou, ainda, queimação.

É imprescindível que se faça a diluição do óleo de canela em outro óleo com função transportadora, antes de fazer o devido uso.

O ideal é tentar fazer uso de uma gota do óleo de canela em duas ou mais xícaras do óleo com função transportadora.

Esse último pode ser o óleo de jojoba, azeite, óleo de gergelim ou de amêndoas.

A recomendação é evitar esfregar ou massagear o óleo de canela, diretamente na sua pele, a não ser que tenha essa devida diluição, evitando problemas adversos.

Um cuidado específico, dentre as contraindicações, é não fazer a mistura do óleo com água. 

Não despejar o óleo em água de banho, por exemplo, porque ele pode provocar a queimação ou irritação da pele.

É contra indicado o consumo oral do óleo de canela ou escorrê-lo em cápsulas para uso oral. 

A razão disso é que o óleo essencial de canela pode queimar todo o revestimento do esôfago, bem como as membranas mucosas.

Por isso, a recomendação é jamais esfregar este óleo em gengivas, bem como evitar qualquer contato com os olhos.

______________________________________________________________________________

Fonte: healthline

Mais textos relacionados
Óleo essencial de mandarina verde

O óleo essencial de mandarina verde é obtida pela prensagem a frio das raspas da fruta. Esse processo de extração Read more

Óleo essencial de eucalipto

A origem do eucalipto é australiana. Essa árvore tem cultivo pelo mundo inteiro e seu uso observa todas as propriedades Read more

Óleo essencial de citronela

O óleo essencial de citronela é frequentemente usado para prevenir ou aliviar picadas de mosquito.  No entanto, além de suas Read more

Óleo essencial de capim limão

As propriedades do óleo essencial de capim limão são explicadas pela presença de compostos ativos originalmente disponíveis nas folhas de Read more