Os benefícios do chá de alfavaca

A alfavaca ( Ocimum gratissimum, L. ) conhecida popularmente como manjericão, é bastante cultivada na Índia, sendo usada para fins cosméticos e alimentares.

Tem muitas propriedades medicinais e afrodisíacas, e pode ser utilizada para a preparação de chás que ajudam em várias coisas.

Nesse texto você vai descobrir os usos da alfavaca e vai aprender a preparar o chá dessa planta.

Usos da alfavaca

A alfavaca possui uma série de benefícios para o nosso corpo, e esses benefícios são conseguidos através de aplicações diversas, incluindo o chá.

Abaixo, você pode ver os usos dessa planta e a forma de aplicação correta.

1- A alfavaca é eficaz para o tratamento das dores de cabeça. Você precisa fazer uma decocção — a extração dos princípios ativos da planta através do processo de ebulição — de 30 gramas de folhas de alfavaca em um copo de água, deixando ferver por sete minutos. Deve-se beber ainda muito quente.

2- Serve também para tratar as aftas. Deve-se triturar as folhas e colocá-las sobre as aftas.

3- A alfavaca serve como afrodisíaco se você fazer o mesmo processo para quando estiver com dores de cabeça.

4- A alfavaca é eficaz para tratar a dor de ouvido. Basta moer as folhas e umedecê-las com algodão, colocando-o em seguida na orelha. Apenas lembre-se que não se deve colocar o algodão muito fundo.

5- O manjericão ajuda a afastar as moscas, bastando colocar os ramos da planta ao redor. Além disso, também ajuda a cuidar das picadas dos mosquitos, uma vez que você amassa as folhas e coloca na região onde foi picado.

6- Aumenta a produção de leite em mulheres que estão amamentando.

7- O chá de alfavaca evita as dores de estômago, elimina resfriados, tosse, febre e gripe e ajuda a tratar problemas nos rins, má digestão, gastrite, náuseas e vômitos, e infecções intestinais.

8- A infusão do manjericão ajuda a combater a gonorreia.

Como preparar o chá de alfavaca

Tenho certeza que você está curioso para saber como preparar esse maravilhoso chá, não é mesmo?

O chá é feito por infusão e deve ser bebido ainda quente antes de ir dormir, porque é nesse momento que o corpo começa a se restaurar, favorecendo os processos de cura.

Você precisa despejar de 15 a 20 g de alfavaca em um litro de água fervente.

Deixe descansar de 10 a 15 minutos antes da filtragem, assim, os benefícios do chá serão melhor absorvidos.

Deve-se beber de 300 a 500 ml de chá de alfavaca por dia, divididos em duas ou três vezes.

A alfavaca é totalmente contraindicada na gravidez, uma vez que pode causar contrações uterinas.

Não há contraindicações para mulheres que amamentam, mas muita gente prefere não fazer uso da alfavaca.

FONTE DO VÍDEO

Canal Dra Ana Clélia Mattos

Mais textos relacionados
Os 5 melhores chás para cólica menstrual

De leve a moderada, a grande maioria sofre com este problema que tem maneiras naturais de ser amenizado. Cólicas menstruais Read more

chá de cana de macaco é bom para infecção urinária

Cana-de-macaco no trato da infecção urinária A bexiga e o trato urinário inferior são suscetíveis a distúrbios inflamatórios que causam Read more

Os 21 chás para acabar com falta de sono

Há um série de chás que são facilitadores do sono como valeriana, maracujá, erva cidreira dentre outros. Esses chás possuem Read more

Saiba quais são os benefícios do Kombucha para a saúde

Kombucha é é um chá fermentado que é consumido em outros países há milhares de anos Ele é cheio de Read more

6 comentários em “Os benefícios do chá de alfavaca

  • 10 de fevereiro de 2020 em 04:58
    Permalink

    Muito bom , amei essa informação 👍

    Resposta
  • 20 de fevereiro de 2020 em 01:42
    Permalink

    Você confunde alfavaca (Ocimum campechianum) com manjericão (Ocimum basilicum). São duas espécies diferentes e têm sabores muito distintos. Quanto às propriedades medicinais, ainda não pesquisei o suficiente.

    Resposta
    • 20 de fevereiro de 2020 em 08:04
      Permalink

      Oi Silvio! Obrigado pelo comentário.
      Quando você postou seu comentário nem tínhamos colocado nome científico, apenas dissemos no texto que popularmente chama-se de alfavaca outros de manjericão.
      Há realmente bastante confusão com essa família, são muitas variedades e muitos nomes populares
      Por causa da confusão de nomes populares há lugares que tratam a mesma planta por nomes diferentes
      Obrigado pela contribuição

      Resposta
  • 29 de fevereiro de 2020 em 11:58
    Permalink

    bom dia
    Eu adoro plantas medicinais, mas eu tenho como alvfavaca, outro tipo de alfavaca, eu queria mandar fotos, pra que eu indentifico, eu tenho uma que conheço como alfavacão, da arvore de 2 m de altura, é uma outra que n passa de 50 cm. a cemente dela e usada para limpar as vistas. mediga como eu posso mandar as fotos.

    Resposta
    • 1 de março de 2020 em 21:04
      Permalink

      Oi José Campos!
      Realmente há muita confusão com as plantas da família ocimum
      Neste texto estamos falando da alfavaca cravo que também pode receber outros nomes
      A própria embrapa tem um artigo muito interessante falando dos tipos de manjericão e da dificuldade de reconhecer cada uma delas
      Veja esse texto da empraba, talvez lhe ajude também https://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/bitstream/doc/900892/1/DOC11004.pdf

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × dois =