6 de dezembro de 2021

Planta avelós é venenosa

Euphorbia tirucalli L, Avelós, é uma planta venenosa que faz parte de um gênero muito grande de plantas com mais de 2.000 espécies. 

Uma média de 1.200 delas são suculentas, algumas com formas bizarras e folhas largas e carnudas e outras que se parecem muito com cactos, completos com espinhos. 

Avelós também é chamada de Árvore-de-São-Sebastião, e trata-se de uma planta venenosa.

Por outro lado, há diversos estudos com essa planta, buscando o combate do câncer, considerando que ela apresenta a capacidade de eliminação de células cancerígenas.

É capaz de impedir o desenvolvimento do câncer e redução de tumores.

Cuidados

Os cuidados imprescindíveis em relação à planta é em virtude de sua toxicidade.

As reações adversas da avelós se relacionam ao contato com a planta, que pode trazer graves consequências.

Os resultados podem ser feridas, inchaços, queimaduras e, inclusive, tecidos necrosados.

Ainda, ao contatar diretamente os olhos, é possível sentir uma ardência grave, destruindo a córnea e cegando permanentemente, se não houver o pronto atendimento.

Logo que o látex da avelós seja consumido excessivamente ou sem diluição, os sintomas comuns são:

  • diarreia;
  • vômito;
  • grave irritação dos tecidos estomacais;
  • surgimento de úlceras.

Características da planta

Trata-se de uma planta nativa africana, que pode estar disponível na região nordeste brasileira. 

De modo geral, ela mede entre 4m de altura, apresentando ramos esverdeados carnudos e pouquíssimas flores ou folhas.

O nome científico da planta é Euphorbia tirucalli e pode estar disponível em farmácias e em estabelecimentos de produtos naturais no formato de látex.

Usos

A Euphorbia tirucalli é capaz de produzir essa seiva branca cheia de veneno, podendo ser, de forma fácil, convertida em gasolina.

Veja também!  Coroa-de-Cristo (Euphorbia milii L.)

Há, portanto, propostas de exploração desse látex como uma forma de substituição do petróleo.

A utilização é, de forma particular, muito atraente em razão do crescimento do arbusto – que é rápido – em áreas que não se adequam à produtividade.

Estima-se que haveria a possibilidade de produzir entre dez a cinquenta barris por hectare desse petróleo.

Já ocorreu o uso da seiva dessa planta para produzir borracha, mas não houve sucesso.

Uso medicinal

Quanto a medicina tradicional de diversas culturas, a planta teve uso para tratamento de cancros, tumores, excrescências, verrugas e várias outras condições.

Seu uso é muito comum na Índia, Brasil, Malásia e Indonésia. 

Mas é importante ressaltar que, em excesso, pode ser muito perigosa à saúde humana.

Ainda que essa planta seja venenosa para muitos seres vivos, suas propriedades têm comprovação científica.

A avelós possui efeitos anti-inflamatórios, analgésicos, fungicidas, antibióticos, laxantes e também expectorante.

Há, também, a possibilidade de contar com efeitos antitumorais, mas ainda são necessárias pesquisas sobre o assunto.

Em virtude das propriedades benéficas, a planta pode ter uso medicinal para tratar as seguintes condições:

  • inflamações de garganta;
  • verrugas;
  • reumatismo;
  • asma;
  • tosse;
  • prisão de ventre.

Ainda, de forma muito popular, há a crença de que ela pode ter muita utilidade no combate ao câncer de mama.

Contudo, muitos estudos ainda precisam ser realizados na área para comprovação desses benefícios específicos.

Mais textos relacionados
Comigo-ninguém-pode é venenosa
planta comigo ninguem pode

Ter cuidado com plantas venenosas é bastante importante principalmente para quem têm criança em casa e também animais de estimação, Read more

Copo-de-leite é venenosa

Uma planta muito conhecida e também muito bonita que é usada para enfeitar e faz parte das plantas venenosas muito Read more

Veja também!  Planta estramônio é venenosa
Lista de plantas venenosas

Muitas pessoas gostam de plantas para ornar a casa e jardim, outras gostam de fazer um delicioso chá para tomar Read more

Urtiga é venenosa

A urtiga (Fleurya aestuans L) tem crescimento no mundo todo, mas principalmente nos países de clima temperado.  Sua origem é Read more