2 de julho de 2022

Segredos sobre o chá de quebra-pedra que vão surpreender você

O nome “quebra-pedra” já remete a algo forte, e, se as pessoas que tomam esse chá tivessem de classificar essa planta com uma palavra, provavelmente escolheriam “potente” ou “forte”, porque é isso o que o chá exatamente é.

Este artigo apresenta segredos sobre o chá de quebra-pedra que vão surpreender você.

Quer saber mais sobre esse remédio caseiro milenar?

Basta acompanhar o artigo lendo até o fim.

O chá de quebra-pedra é uma excelente bebida para dissolver as pedras dos rins e da bexiga, as quais incomodam e podem se tornar problemas de saúde muito maiores e mais graves com o passar do tempo.

O chá é mais conhecido por eliminar as pedras dos rins pela urina, e é por isso que o primeiro segredo que eu contarei para vocês é que ele também ajuda a remover os cálculos da bexiga.

Onde é encontrado?

A planta que dá origem ao chá pode ser encontrada em várias partes do mundo.

Por sua abundância, são destacados os países e lugares tropicais ou selvas, como as Bahamas, o Amazonas, o sul da Índia e a China.

Isso significa que você não terá muitas dificuldade para encontrar esse produto natural no Brasil.

Na verdade, é possível que você encontre sem se deslocar muito, dependendo de onde mora.

Como é a aparência da planta

Quebra-pedra é uma planta cujo tamanho não passa de 60 centímetros e é carregada de frutos pequenos de 3 mm de diâmetro.

Para fazer o chá e receber todas as propriedades, você deve infundir esses pequenos frutos, as folhas e/ou as flores.

Usos

O nome “quebra-pedra” foi dado por causa da principal funcionalidade dessa planta, entretanto, apesar de esse ser um benefício maravilhoso para quem sofre de cálculos nos rins ou em outras partes do corpo, o chá de quebra-pedra não se limita a isso.

Ele é eficaz para combater doenças que atingem o fígado, como a icterícia, e trata também infecções bacterianas como a prostatite, cistite e do trato urinário.

Quer mais? Saiba que o chá de quebra-pedras é altamente recomendado para quem tem alguma doença sexualmente transmissível, tuberculose, gripes e resfriados, além de ajudar no tratamento de outras doenças causadas por vírus.

Sem contar em outros benefícios, como redução da pressão alta, controle da diabetes e melhora nos quadros de anemia.

O que é preciso para fazer o chá

A infusão é feita a partir da inserção de cerca de 40 g da planta (podendo ser os frutos, as flores e/ou as folhas) seca em água fervente. Esses são os únicos ingredientes necessários.

O sabor desse chá pode ser um pouco amargo e intragável para algumas pessoas, então, se você não conseguir ou ter dificuldade para bebê-lo puro, pode adoçar com um pouco de mel.

Quanto consumir?

Se você sofre de pedras nos rins, é recomendado beber três xícaras de chá de quebra-pedra por dia durante um mês, não importando se as pedras já tenham sido expelidas.

Se você sofre de pedras na bexiga, deve ser feito o mesmo procedimento.

Se você sofre de câncer e quer evitar a progressão da doença, pode consumir 40 g de chá de quebra-pedra por 1 litro de água fervente.

Se você sofre de colesterol alto, pode fazer uma decocção e consumir 2 vezes ao dia.

Se você sofre de cólica e quer diminuir o desconforto, deve cozinhar a raiz do chá de quebra-pedra e beber o máximo que conseguir todos os dias em que sentir esse desconforto.

Se você sofre de alguma doença hepática, deve fazer o mesmo procedimento.

Os diabéticos, por outro lado, precisam fazer uma decocção de toda a planta e beber duas vezes por dia, a primeira delas em jejum ao acordar e a segunda delas antes de dormir.

E se o problema é hepatite, você deve usar 20 raízes de quebra-quebra infundidos em dois livros de água, onde deve deixar ferver por trinta minutos.

Você deve beber todos os dias, até que sua pele fique com a cor natural.

Agora, se o problema que você tem é uma infecção urogenital, precisa fazer uma decocção da planta toda e beber três vezes ao dia por quatro semanas.

Esse mesmo procedimento serve se você quer lidar com a malária, nefrite ou a litíase.

Mais segredos

Os segredos do chá de quebra-pedra infelizmente não se limitam às características e aos benefícios, uma vez que as contraindicações existem e devem ser levadas a sério para não causar problemas aos usuários.

O chá de quebra-pedra não deve ser tomado por crianças menores de 6 anos, gestantes e lactantes.

O princípio ativo da planta pode atravessar a placenta e chegar até o bebê, podendo causar um aborto.

No caso das lactantes, as propriedades da planta podem mudar o sabor do leite materno.

O chá também não deve ser tomado de forma seguida por um período de tempo muito longo, pois pode provocar uma intoxicação no organismo devido à perda de minerais.

O recomendado é tomar o chá de 3 semanas a um mês, fazer uma pausa de 1 a 2 semanas e depois voltar a tomar o chá.

Mais textos relacionados
Os benefícios do chá de alfavaca
pé de alfavaca

A alfavaca ( Ocimum gratissimum, L. ) conhecida popularmente como manjericão, é bastante cultivada na Índia, sendo usada para fins Read more

Chá de urtiga: Saiba tudo sobre seus benefícios

A urtiga é uma plantinha muito conhecida no nosso país, a depender de sua idade e de onde nasceu provavelmente Read more

Hibisco

O chá de hibisco é feito de uma plantinha nativa da África e da América e faz muito sucesso por Read more

6 benefícios científicos do chá e extratos de hortelã

A famosa hortelã é uma plantinha muito aromática e muito conhecida por nós brasileiros, o seu uso não se restringe Read more

chá para infecção urinaria