Sumo

O Sumo de uma erva, normalmente, é onde se concentra as propriedades medicinais e fitoterápicas.

E, o que muita gente não sabe, é que para se obter o sumo das ervas medicinais, o processo vai além de preparar uma infusão com uma planta – como geralmente se faz.

Isso porque a infusão (ou chá) contém propriedades medicinais de determinada erva, porém, os compostos acabam ficando diluídos e o resultado não é tão eficaz como é usando-se o sumo de uma planta.

Sumo não é suco

Vale saber também que o sumo de uma erva não é o seu suco.

O suco se trata da extração apenas da seiva de uma planta ou dos líquidos da polpa- que, em geral, são misturados com água e outros líquidos.

Assim, o suco de uma planta contém muito menos propriedades do que o seu Sumo.

Como extrair e usar o Sumo de ervas medicinais

A seguir, você confere como extrair e usar o sumo das plantas com propriedades medicinais, além da convencional infusão ou trituração.

1 – Sumo de gengibre

  1. Para obter o sumo do gengibre e usufruir, ao máximo, de suas propriedades, você deve, primeiramente, obter raízes frescas.
  2. Depois, descasque as raízes.
  3. Em seguida, rale a polpa.
  4. Depois, providencie um filtro de café descartável, coloque as raízes raladas dentro e espreme bem, até não vazar mais secreções.
  5. Você irá perceber que as raízes do gengibre irão soltar um líquido amarelado, que passará pelo filtro – esse é o sumo!  
  6. Guarde o sumo em um recipiente vedado, no refrigerador.

Indicações: o sumo do gengibre é indicado para problemas de digestão, para aliviar sintomas da dor de garanta, acabar com náuseas em enjoos, entre outras finalidades medicinais.

Como o Sumo é super concentrado, 2 colheres de chá rasa dele ao dia, já traz ótimos resultados.

2 – Sumo de limão ou de laranja

Ao invés de fazer infusões ou sucos comuns com esses frutos, que tal extrair o sumo?

  1. Para conseguir aproveitar o máximo dos nutrientes e das propriedades medicinais da limão ou da laranja, leve a fruta por cerca de 3 minutos no forno de microondas.
  2. Depois, corte a fruta em quatro e esprema ainda quente.
  3. Você obterá o sumo de todas as partes do limão ou da laranja.
  4. O que sobrar das frutas, pode ser descartado.

Indicações: o sumo dessas frutas é indicado para ajudar no alívio de sintomas de gripes e resfriados.

Ainda, tem uso culinário, dando sabor especial a alimentos.

3 – Sumo de babosa

O sumo dessa erva é riquíssimo em propriedades diversas.

Mas, é comum que as pessoas não saibam obter corretamente o sumo da babosa – também chamada de Aloe Vera.

  1. Primeiro, providencie uma folha de babosa inteira e corte a sua base, ou seja, a extremidade mais próximas da raiz.
  2. Com esse processo, você já obterá parte do Sumo, que se assemelha a um gel – recolha e reserve.
  3. Depois faça um corte vertical, dividindo a folha da babosa em 2 partes.
  4. A folha irpa expelir mais Suma ainda e, para isso, vá apertando delicadamente a folha, de ponta a ponta.
  5. Enquanto isso, mantenha a outra metade da folha em um local onde possa aproveitar o Sumo que naturalmente será expelido.
  6. Depois de obter todo o Sumo possível de uma parte da folha da Aloe Vera, repita o procedimento com a outra metade.
  7. Recolha todo o Sumo que obteve até agora, coloque em um recipiente e leve à geladeira, de preferência.
  8. Ainda não acabou: encoste as 2 metades da folha da babosa em um local onde elas possam ficar eretas e coloque um recipiente embaixo.
  9. As folhas irão expelir ainda mais Sumo.
  10. Mantenha-as assim por cerca de 2 horas.
  11. Junte ao conteúdo reservado e mantenha na geladeira, em recipiente com tampa.
  12. O que sobrou das folhas pode ser descartado ou picado e batido no liquidificar e adicionado ao sumo.
  13. O sumo tem durabilidade de até 1 mês e para conseguir uma boa quantidade, recomenda-se fazer o procedimento com umas 3 folhas de babosa.
  14. Uma dica para aumentar a durabilidade desse Sumo e ele não criar um aspecto desagradável escurecido, é colocar algumas gotas de limão no recipiente, pois isso evita a oxidação.

Indicações: o sumo pode ser usado diretamente em ferimentos não abertos, em queimaduras, nos cabelos, em acnes ou para gargarejos, no caso de problemas periodontais.

Mais textos relacionados
Amoras: Benefícios para a saúde e informações nutricionais

As amoras são umas frutinhas que além de bonitas e saborosas também pode trazer muitos benefícios para a nossa saúde. Read more

Andiroba

Andiroba é uma árvore tipicamente da região Amazônica, apesar de também aparecer em alguns outros Estados brasileiros. Essa árvore dá Read more

Cataplasma

Dentre as diversas formas de utilização das ervas medicinais, você conhece o emprego do Cataplasma para o tratamento de problemas Read more

Alcaçuz

A a raiz de alcaçuz é usada para tratar diversos tipos de problemas estomacais como azia e úlcera. O seu Read more