chá de panaceia: Um poderoso diurético

A panaceia não é tão conhecida como tantas outras ervas, mas saiba que ela é muito eficaz no tratamento de algumas doenças.

Queremos destacar aqui principalmente sua ação como diurético.

Há outros benefícios também e não são menos importantes, apenas por uma questão de escolha daremos ênfase a esse benefício.

O que é ser um chá diurético?

As ervas diuréticas são aquelas que tem como ação principal ajudar a pessoa a urinar com mais frequência.

Isso pode ser muito válido no tratamento de algumas doenças relacionados aos rins, por exemplo.

Pessoas com problemas renais podem desenvolver o que chamamos de retenção de líquidos.

Para acabar com essa retenção de líquidos usa-se os remédios ou chás diuréticos.

Deve-se tomar muito cuidado com o consumo dos diuréticos, pois eles se usados de forma indiscriminada podem causar muito danos á saúde.

Algumas pessoas realmente têm retenção de líquido, ficam mais inchadas, para essas pessoas os chás diuréticos são excelente.

Infelizmente há pessoas que estão com excesso de gordura e acham que estão com retenção de líquidos, mas não é bem assim.

Sobre o chá de panaceia

planta panaceia

O chá de panaceia ( Solanum cernuum vell) também recebe outros nomes populares, isso muda de acordo com a região do país, entre eles estão:

  • barba-de-bode;
  • bolsa-de-pastor;
  • braço-de-preguiça;
  • braço-de-momo;
  • capoeira-branca;
  • folha-de-onça;
  • mercúrio-de-pobre
  • velame;
  • velame-de-folha-grande;
  • velame-do-campo

Pode-se dizer que dessa planta tudo é aproveitado para o consumo medicinal, tanto folhas, caules e até raízes.

Para pessoas que precisam da ação diurética da planta utiliza-se tanto as folhas como a raiz.

Outros benefícios do chá de panaceia

Sobre essa planta é possível encontrar alguns artigos científicos comprovando sua eficácia para determinadas situações.

Além de ser uma planta diurética sabe-se que ela também serve como:

  • sudorífica;
  • depurativa (limpeza do organismo);
  • desobstruente do fígado;
  • cura da gonorreia;
  • doenças da pele;
  • antiarrítmico;
  • gastroprotetora;
  • varrer os radicais livres;
  • antifúngico.

Como fazer o chá de panaceia

Caso escolha fazer o chá dessa erva por meio da infusão, utiliza-se as folhas.

  1. Então basta uma xícara de água fervente para uma colher de sobremesa da erva.
  2. Despeje a água sobre a erva e espere por aproximadamente 10 minutos e já estará pronto.

Você poderá também fazer o chá de panaceia por meio da decocção de suas raízes.

Dá mais trabalho, mas não é impossível.

  1. Para isso basta macerar as raízes antes de colocá-las para ferver.
  2. Ao iniciar a fervura deixe por mais 3 minutinhos, abafe e espere esfriar

Tome no máximo 3 xícaras ao dia

Cuidados com o chá de panaceia

É indicado que todas as pessoas consultem um médico antes de iniciar o consumo frequente de uma erva, de forma especial as mulheres grávidas e crianças.

Tome cuidado também por que esse chá é diurético e como dito antes isso pode forçar os rins a trabalhar demais e pode haver uma perda exagerada de potássio e de sódio, causando por exemplo fraqueza muscular e câimbras.

Mais textos relacionados
Os 21 chás para acabar com falta de sono
imagem de um home deitado e um relogio

Há um série de chás que são facilitadores do sono como valeriana, maracujá, erva cidreira dentre outros. Esses chás possuem Read more

2 excelentes chás para cólicas em bebês
sementes de erva doce

Os pais normalmente ficam desesperados quando seu bebê está sofrendo com cólicas. Apesar de ser algo que acontece com todos Read more

Benefícios do chá de gengibre com limão
gengibre, limao, mel

Muitas pessoas têm o costume de consumir o chá de gengibre com limão, além de ser uma bebida refrescante ela Read more

Bruno Costa

Redator e publisher desde 2014 Graduado em Psicologia

4 thoughts on “chá de panaceia: Um poderoso diurético

  • 17 de janeiro de 2020 em 07:37
    Permalink

    Excelente, vocês podem pesquisar mais sobre as plantas.Obrigado pelas informações.

    Resposta
  • 10 de fevereiro de 2020 em 21:09
    Permalink

    Posso tomar o chá de panacéia por quanto tempo ?sempre tenho infecção urinária,esse chá também é indicado para esse problema?

    Resposta
    • 13 de setembro de 2020 em 17:10
      Permalink

      Eu tinha crises de pedra nos rins em média 4 vezes ao ano a última vez foi há quatro anos atrás emagreci 4 kilos em quatro dias tão forte que foi . Quando descobri o chá de panacéia nunca mais tive crises ,tomei durante uma semana todos os dias. Agora tomo uma vez a cada mês e nunca mais voltou. Deus criou essa maravilha que me salvou.

      Resposta
  • 19 de agosto de 2020 em 05:41
    Permalink

    bom dia, meu nome é paulo, fui fazer um curso de aperfeiçoamento no senai, então no final do curso, o professor com seus 68 anos mas bem conservado, chamou-nos num canto da sala, nós, acima dos 55 anos e nos disse; vou dizer-lhes algo que vai melhorar a vida sexual de vocês, é uma planta que muitos não tem conhecimento mas o efeito dela é maravilhoso e só se da apos 18 dias de uso continuo, tome por 30 dias o chá bem fraco no lugar da água, e pare por 3 meses, ai repita de novo o mesmo feito, ela chama-se: ´Panaceia` acredite se quiser, estou dando trabalho a minha senhora na cama, é sério, muito boa, é só usar como me ensinaram os índios, eu estou passando pra vocês meus alunos e amigos porque voltei a atividade sexual sem nem um esforço, pode tomar e ainda que não nos vejamos mais muitos aqui vão lembrar de mim o resto da vida; Bom , eu no começo fiquei meio cabreiro pois não conhecia essa planta comentei com um colega ai ele me disse que no sítio de um parente dele tinha essa tal panaceia então resolvi esperimentar, cara , essa planta é toop demais, apos 20 dias de uso comecei a ficar com ereção ate vendo alguem beijar no rosto, e ate hoje não me fez mal pois ai se vão 4 anos que tomo panaceia de 6 em 6 meses, muito boa, valeu professor, sei que esta pelo mundo a dar curso de aperfeiçoamento, mas, muitíssimo obrigado pela dica.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *